Quem somos

Designers

“Começamos a conversar sobre esses pontos contras, lemos notícias de pessoas que se queimaram com o produto após passá-lo e irem cozinhar; crianças que deixaram cair nos olhos… Nos informamos também sobre os efeitos da toxicidade do álcool, que destrói não só as bactérias ruins, como também as bactérias boas de nossa microbiota, que ajudam a prevenir a exposição a patógenos na pele, além de ajudar no nosso sistema imune. Qualquer desequilíbrio da microbiota, que é uma colônia de várias bactérias, abre as portas para inflamações, alergias, rosácea, acne.  Existem várias complicações possíveis para uma epiderme desequilibrada. Vimos ainda que pessoas de peles maduras, que produzem menos colágeno, também costumavam sofrer mais com o uso frequente do álcool. E foi aí que pensamos em criar um produto que fosse tão eficaz quanto o álcool em gel no combate aos microorganismos, mas sem esses efeitos colaterais mencionados, e que funcionasse como um produto 2 em 1: protegendo e hidratando a pele na mesma aplicação, coisa que o álcool em gel que usamos é incapaz de entregar. Dessa forma, inauguraríamos uma nova era de antissépticos que vão além do utilitarismo, agregando ao produto claims cosméticos que são tão importantes quanto a antissepsia para o dia a dia de nossa pele. Foi por isso que desenvolvemos um produto que protege e hidrata ao mesmo tempo, substituindo, em uma tacada só, o álcool em gel e o creminho de mãos, ambos produtos de rotina e presentes em milhares de bolsas e bolsos”, conta Lucas. 

Da ideia para a criação

Dali em diante, foram quase dois anos de pesquisas e testes para chegar no produto final perfeito. “Encontramos um ativo antibacteriano, que age tal qual o álcool 70. E aí pudemos nos dar ao luxo de criar um produto mais rico e colocamos um blend de óleos de macadâmia, gergelim, oliva, girassol e milho, que dão o aspecto hidratante emoliente do produto. Adicionamos, também, 18% de álcool na fórmula, porque o álcool é uma substância volátil, que ajuda na rápida absorção na pele, e também porque, no imaginário das pessoas, o fato de ter álcool na fórmula aumenta a sua aceitação”, conta Lucas. Já as fragrâncias exaltam a brasilidade da flora brasileira: as loções estão disponíveis versões pitanga, jaborandi e alecrim-pimenta. E para as peles mais sensíveis ou sensibilizadas ou para quem não gosta de fragrâncias em seus produtos, há a versão neutra.

Tato Senses

Alecrim pimenta

Eficiente por dentro e charmoso por fora

Chegar na fórmula ideal era muito importante. Ter uma embalagem inovadora, daquelas que a gente bate o olho na vitrine e deseja, também! Nesse processo de criação, aliás, a parte que mais demandou testes e pesquisas foi o de desenvolvimento da embalagem, que levou oito meses até chegar à perfeição. Pudera: a loção antisséptica hidrante tem uma pegada que lembra os cosméticos supermodernos coreanos e americanos, um protótipo desenvolvido completamente do zero pela marca.

“Havíamos desenvolvido uma fórmula muito boa. O próximo passo era impressionar pelo visual. Pensando nisso, desenvolvemos uma embalagem proprietária que não só chamaria a atenção do consumidor, como também seria o ponto central da nossa marca, com o formato da embalagem conversando com o formato do nosso logotipo; e tudo isso com uma experiência de uso prática e um tamanho e formato portátil, ergonômico e perfeito para bolsas e bolsos”, pontua o sócio-fundador. Como prova disso, a embalagem foi eleita uma das mais funcionais de 2022 pela Associação Brasileira de Embalagens (ABRE).

De olho na questão ambiental

De fato, a embalagem é daquelas que nos faz ter dó de descartá-la. Mas para além da questão estética, tem a questão ambiental, que coloca nos planos da marca, lançada em abril deste ano, o estudo da possibilidade de ter refis a partir do próximo ano. “Por hora, temos uma parceria com o projeto “eureciclo” e a cada determinado período fazemos um cálculo de quanto plástico e papel foram consumidos por nós. Repassamos esses dados para eles, que se comprometem a fazer a reciclagem pós-consumo com os parceiros. Há garantia que o peso do material utilizado será reciclado com outra embalagem. E dessa forma neutralizamos o impacto das embalagens que colocamos no mercado. Para o futuro desejamos dobrar essa proposta: para cada embalagem vendida vamos duplicar o que reciclamos, tendo uma pegada ambiental positiva, reciclando mais do que consumimos”, diz Lucas.Também para o próximo ano a marca, que vendeu 10 mil unidades em cinco meses, tem planos de ampliar seu portfólio com lip balm, protetor solar, hidratante facial e base, sempre que possível mantendo a embalagem inovadora que conquistou os consumidores.   


Descubra mais estrelas-designers da nossa constelação em nosso site.

compartilhe esse carinho

Conheça mais conteúdo sobre nossos parceiros

25/03/2024 • Designers

Organização, sustentabilidade e design: leve na mala os organizadores de roupas, brinquedos e acessórios.

ver artigo completo
20/03/2024 • Designers

Cosméticos em Barra Palma: zero resíduos e 100% ativos do Cerrado

ver artigo completo
28/11/2023 • Dacosta Verde

Estilo e sustentabilidade em bolsas multifuncionais

ver artigo completo
11/10/2023 • Designers

Enfant Bisu: roupas infantis clássicas e confortáveis pela celebração da infânciaEnfant Bisu:

ver artigo completo
Ver mais publicações

Conheça mais parceiros que amamos

[optin-monster-inline slug="ecs7dujpozunqs1bing6"]

Desenvolvido por: