Quem somos

Designers

Maciez 5 estrelas: conheça o algodão pima, o melhor tecido do mundo

Designers

Maciez 5 estrelas: conheça o algodão pima, o melhor tecido do mundo

Durável, muito macio e com toque sedoso são os principais atributos do algodão pima, uma matéria-prima incrível, mas ainda desconhecida por muitos pais e mães

14/03/2022

Você sabia que existem centenas de espécies de algodão? Em nossa constelação, a Passalinho mantém coleções inteiras feitas em 100% algodão pima orgânico. Você já ouviu falar do algodão pima? Ele é considerado o melhor tecido do mundo, macio como um abraço morno. Para que possamos conhecer mais, batemos um papo com Luciana Soubihe, designer da marca, que nos contou detalhes sobre esta matéria-prima e todos os seus benefícios.

Muito provavelmente, quando falamos em algodão de alta qualidade, um dos primeiros que vem à sua cabeça é o egípcio. Isso não é à toa! No Egito, tecidos são produzidos em algodão desde os tempos dos faraós.

De tão duradouros, alguns deles existem até hoje e estão expostos no Museu Metropolitan, em Nova York, em ótimas condições. Originalmente, o insumo chegou ao Egito trazido da Índia. Nesta região, os produtores de algodão conseguiram se especializar e permanecem até hoje, sendo responsáveis por 40% de toda produção de fibras longas, extras longas, finas e extras finas no mundo.

Mas saiba que, mesmo com todos esses atributos, o algodão egípcio não é o melhor do mundo! Pois é, apesar de menos conhecido, o algodão pima é o campeão cinco estrelas, considerado o de maior qualidade e, atualmente, tem o Peru como o principal país de cultivo.


A origem do algodão pima


O grande diferencial do algodão pima relativo a outros algodões são suas fibras extra longas, que chegam a medir até 41mm. Além de serem mais longas, o processo de produção da malha apresenta menos “emendas”, resultando no toque macio e sedoso.

Isso também permite maior durabilidade às peças, pois mantém uma grande resistência às lavagens e evita a formação de bolinhas. Além disso, outra característica da espécie é que a planta produz uma substância que tem o efeito de impermeabilizar a pluma, dando um brilho único ao produto final. 

Sua produção é totalmente peculiar, o algodão pima é plantado em locais específicos no mundo – apenas 3% do planeta apresenta regiões ideais para o plantio. Além disso, também é uma planta que precisa de menos água para chegar à sua maturidade.

  

Essa certificação [GOTS] assume uma série de critérios de preservação ambiental e responsabilidade social, exigindo da indústria um controle rigoroso da produção do algodão desde o plantio à fabricação dos tecidos orgânicos.

Luciana Soubihe

E falando dos produtores, em grande maioria, os cultivos são geridos pela agricultura familiar, o que integra a produção do algodão pima a uma cadeia de trabalho mais justa, pois eles também são responsáveis por todo o processo que vai do plantio até a venda para as fábricas.

A colheita é um processo tão especial que a extração da flor precisa ser feita à mão, com objetivo de preservar a pluma e não estragar a fibra. Por conta da produção sustentável de ponta a ponta, é comum os produtores serem certificados.


Na Passalinho, é exigido que os fornecedores de tecidos tenham a certificação GOTS (Global Organic Textile Standard). Esta é uma maneira de garantir aos consumidores a certeza de que estão levando para casa uma peça produzida com fibra realmente orgânica, cultivada sem químicos tóxicos.

Por que optar pelo algodão pima?


Por todo seu processo de produção livre de agrotóxicos, a malha produzida com algodão pima é extremamente confortável, uma delícia de usar! Esse toque é essencial principalmente para a pele dos bebês, que é até 10 vezes mais sensível que a dos adultos.

Além disso, se comparado com os tecidos sintéticos que impedem a troca de calor com o ambiente, observamos que estes não são tão práticos como os elaborados com algodão pima, já que, devido às fibras extra finas, ele possui secagem rápida, ideal para os bebês, que suam muito na primeira infância.

Muitas pessoas já têm consciência do impacto de cosméticos para a pele dos pequenos, mas não notam que até mesmo uma toalha de banho, quando friccionada na pele, pode ser agressiva ao toque

Luciana Soubihe

Outro importante atributo é o menor impacto no meio ambiente devido à alta durabilidade do tecido. Sabemos que os bebês crescem rápido, mas esse tecido permite não apenas muitas lavagens práticas na máquina sem a formação de bolinhas, como também evita o desgaste em razão do atrito, o que faz com que a roupa continue sendo usada por outras crianças, de geração a geração.

“É uma maneira de repensarmos em como vestir as crianças. É uma nova bússola não guiada pela moda, mas sim pela consciência do que a indústria está causando no mundo. Em todos os seus processos, o algodão pima entrega sustentabilidade e conforto para toda a família”, finaliza a empreendedora. 


Vestir os pequeninos com um tecido produzido em algodão pima é como um colo macio, seguro e duradouro. Embale-se nele também!

compartilhe esse carinho

Você também vai gostar de ver

29/02/2024 • Saúde e bem-estar

Dicas para uma introdução alimentar de qualidade

ver artigo completo
27/02/2024 • Família

Ter relações sexuais próximas à criança, pode interferir no seu desenvolvimento e causar traumas.

ver artigo completo
22/02/2024 • Saúde e bem-estar

A importância da educação sexual para as crianças

ver artigo completo
20/02/2024 • Educação

Brigas entre irmãos: como lidar para criá-los respeitando suas individualidades

ver artigo completo
Ver mais publicações

Nossos temas favoritos

[optin-monster-inline slug="ecs7dujpozunqs1bing6"]

Desenvolvido por: